Pipoca Moderna | Dicas de linguagem corporal
561
post-template-default,single,single-post,postid-561,single-format-standard,,qode-title-hidden,qode-theme-ver-15.0,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,disabled_footer_bottom,wpb-js-composer js-comp-ver-4.11.2.1,vc_responsive

Dicas de linguagem corporal

Se durante uma conversa informal nós já ficamos analisando cada movimento da pessoa com a qual estamos conversando, tentando sacar mensagens subliminares, analisando a postura, gestos, entre outros, imagine durante uma apresentação onde você é o centro das atenções. Para te ajudar, resolvemos dar algumas dicas de linguagem corporal em apresentações.

Analise o público:
Nem sempre aquele cara todo certinho, engomado e com a voz impostada irá conquistar o público. Algumas vezes, ser mais despojado e mostrar-se confortável é o caminho mais fácil para a aceitação. É claro que apresentações corporativas mais formais requerem uma postura mais profissional, mas não force nada, seja natural acima de tudo.

Para onde você quer que eles olhem?
Se o seu objetivo é que o público preste atenção em você, faça com que isso aconteça. Mantenha contato visual, se movimente moderadamente para chamar a atenção, fale com eles e não para eles. Caso queira que os slides sejam o foco das atenções, vire a sua atenção para a tela. Tome uma posição mais estática e deixe os slides em evidência.

Contenha seus Gestos:
Ser natural é importante, mas não faça com que suas mãos ou aquele tremular de pernas, roube a atenção do que você está dizendo. O nervosismo geralmente contribui com a gesticulação exagerada, então se acalme, e faça com que seus gestos conversem com a sua fala.

Não seja perfeito:
É isso mesmo. Todos temos alguns defeitos, e eles fazem de nós seres humanos. Ficar se reprimindo tornará a sua apresentação mecânica demais. Errar, dar aquela gagueijadinha, ficar um pouco nervoso é comum, e em algumas vezes conquista o público, pois ele passa a se identificar com você. Portanto, não se preocupe tanto em ser perfeito e foque mais no seu conteúdo.

Eduardo Brunetto
du@pipocamoderna.com